Arquivos para posts com tag: tratamento de imagem

Pra quem não é profissional, mas mesmo assim curte as vantagens do Photoshop, foi lançado o Photoshop Elements (o mesmo podemos dizer do Première Elements).

Tá, eu sei, você vai me perguntar o que há de novo nisso…

Nada, a não ser o fato de que a versão 7 – tanto do Photoshop, quanto do Première – estará disponível a partir de outubro.  Quem quiser, já pode encomendar cada um a US$ 150,00 ou os dois por US$ 215,00 pelo site da Adobe, ou pela Amazon.

www.adobe.com

www.amazon.com

Ontem a noite decidi, enfim, testar o Photoshop pela Internet. Lá no Photoshop Express. O recurso é, no mínimo, interessante. Você pode fazer ajustes de matiz/saturação, contraste, nitidez básica, desfoque básico, remoção de olhos vermelhos e até distorções.

Digamos que você precise de um pequeno ajuste, tenha acesso a Internet, mas não tenha acesso ao Photoshop no momento, é uma boa pedida. Tudo o que você precisa fazer é cadastrar uma conta, para quem faz download de aplicativos Beta, a conta cadastrada já serve, é preciso permitir também que a Adobe use suas fotos (sim, as fotos continuam sendo suas, mas a Adobe poderá usá-las na divulgação do express ou outros meios, faz parte dos termos de uso), fazer upload da foto que você vai usar e pronto.

É fácil de usar, a interface é interativa e vale um destaque especial para o efeito Pop color, que substitui uma cor da imagem, muito legal (e poderia ser implementado facinho assim no próximo Photoshop). Sim, também é preciso saber um pouco de inglês, porém, nada de outro mundo.

Para os mais animados, é só pra lembrar: Não se compara, nem de longe, ao Photoshop em sua versão completa, não trabalha textos, nem camadas, por exemplo. A descrição mais correta para ele seria um álbum melhorado, onde você pode fazer algumas edições, ainda assim é viciante.

Legal mesmo é experimentar. Pra quem quiser, pode dar uma olhada no Adobe Labs ou clicar no link: www.photoshopexpress.com .

Mais uma vez vasculhando notícias sobre minha suíte preferida…

Imagine que nas próximas versões do famoso, aclamado e útil Photoshop, você também poderá optar pela versão de 64 bits pra Windows ou Mac.

Esta informação se encontra no blog do John Nack, Gerente de produtos sênior da Adobe (http://blogs.adobe.com/jnack/64bit/).

Embora a notícia seja excelente, pois o soft ganha mais força pra trabalhar, o John Nack lembra que isso não quer dizer um aumento de performance em 100%.  Um dos arquitetos do Photoshop, Scott Byer, disse que o ganho fica em torno dos 12% ( o que já é muito bom se você usa um software que exige muito de sua CPU e sua memória…).

Diz-se que o trabalho neste sentido já podia ser previsto desde o lançamento do Lightroom 2.0 trabalhando em 64 bits. E se no LR o ganho de performance é… a melhor palavra pra expressar isso é emocionante, imagine! Isso cala a boca, inclusive dos que dizem que a Adobe não gosta da Apple, que já trabalha voltada para este setor com 64 bits há mais tempo que Windows.

Viva o Photoshop, viva a Apple, viva a Adobe, viva os 64 bits!!!

%d blogueiros gostam disto: